Biodata

Domingo, 31 de julho de 2011
Por Sílvia Becher e Kátia Tavares

Adolfo Tanzi NETO iniciou seus estudos universitários em Educação para o ensino da Língua Inglesa (English Education), na Broward Community College, Florida - EUA. Atualmente é acadêmico do curso de Letras (dupla licenciatura Português/Inglês) da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Faz parte do grupo de pesquisa TEED (Tecnologia Educacional e Tecnologia a Distância) pela PUC-SP. E-mail: professor.tanzi@gmail.com

Ana Lygia CUNHA é Professora Adjunta de Língua Portuguesa da Faculdade de Letras da Universidade Federal do Pará. Elaborou os projetos de vários cursos a distância ofertados pela Instituição, atuando também como coordenadora, tutora e elaboradora de material didático. Cursa doutorado em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem na PUC-SP. E-mail: analygia04@gmail.com

Andrea de Farias CASTRO é Professora da Educação Básica, Ensino Superior e Cursos de Pós-Graduação. Atuou na rede pública municipal e na rede privada, na cidade do Rio de Janeiro, sendo docente da disciplina de Artes. Desde 2003 é professora de Informática Educativa do Colégio Pedro II. Pesquisadora na área de educação e tecnologia é professora adjunta da UERJ desde 2008, atuando tanto nas modalidades presencial e a distância. E-mail: andreafcastro@hotmail.com

Angelita Gouveia QUEVEDO atualmente está coordenando o curso de Letras - Inglês. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Ensino-Aprendizagem de língua estrangeira, atuando principalmente nos seguintes temas: educação a distância, compreensão oral em língua inglesa, educação tecnológica, letramento digital e internet para fins educacionais. Com a ajuda da teoria da atividade, vem desenvolvendo pesquisas que abordam a educação semipresencial, a mediação, interação, desenho de curso para ambiente digital e letramento digital. E-mail: angelita.quevedo@pucsp.br

Carolina Fernandes ALVES é aluna de licenciatura em Letras (português-espanhol) da UFRGS e bolsista de Iniciação Científica da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (FAPERGS). Trabalha desde março de 2009 na área de estudos lexicográficos sob a orientação do Prof. Dr. Félix Bugueño Miranda, também da UFRGS. E-mail: carolespanhol@gmail.com

Elizabeth HAYES is a professor in the Division of Learning, Technology and Psychology in Education at Arizona State University’s Graduate School of Education. She is the author and editor of numerous articles, chapters, and books, including Women as Learners and The Handbook of Adult and Continuing Education. Hayes was a lead investigator on two MacArthur-funded projects: GameDesigner and the TechSavvy Girls project. She has recently published Women and Gaming - The Sims and 21st Century Learning, co-authored with James Paul Gee.

Eugênio Paccelli Aguiar FREIRE é graduado em Comunicação social – Jornalismo pela UFRN e Mestrando em Educação no PPGED/UFRN. É um dos produtores do podcast Prometeu (www.prometeu.educ.ufrn.br), o primeiro podcast de revista científica do Brasil. E-mail: paccellifreire@gmail.com

James Paul GEE is the Mary Lou Fulton Presidential Professor of Literacy Studies at Arizona State University and a member of the National Academy of Education. He is the author of Sociolinguistics and Literacies, one of the founding works of the “New Literacies Studies”, as well as the author of What Video Games Have to Teach Us About Learning and Literacy, Situated Language and Learning, and Good Games and Good Learning: Collected Essays and a new book, Women and Gaming: The Sims and 21st Century Learning (2010), written with Elizabeth Hayes. Professor Gee has published widely in journals in linguistics, psychology, the social sciences, and education. E-mail: james.gee@asu.edu

Viviane M. HEBERLE é bolsista PP do CNPq e professora associada de análise do discurso e linguística aplicada no curso de Letras e no Programa de Pós-Graduação em Letras/Inglês da Universidade Federal de Santa Catarina. Foi professora visitante no Westhill College em Birmingham, Inglaterra e na University of Sydney, Austrália. E-mail: heberle@cce.ufsc.br

Mark WARSCHAUER is Professor of Education and Informatics at the University of California, Irvine where he directs both the Ph.D. in Education program and the Digital Learning Lab. Previously, he has taught or conducted research in Russia, the Czech Republic, Mexico, Brazil, Japan, China, Singapore, India, and Egypt, and was the founding editor of Language Learning & Technology journal. His research focuses on the intersection of digital media use with language and literacy practices, educational reform, and social development. His books include Network-Based Language Teaching (Cambridge University Press), Technology and Social Inclusion (MIT Press), Electronic Literacies (Lawrence Erlbaum), and Laptops and Literacy (Teachers College Press). E-mail: markw@uci.edu

Natália Giordani SILVEIRA tem graduação em Letras (Inglês/Português) e mestrado em Engenharia de Sistemas e Computação, ambos pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Participou do Grupo REDES de 2005 a 2008, estudando competência de leitura e sumarização em estudantes universitários e, posteriormente, avaliações automáticas de literariedade. Na COPPE, como mestranda, passou a atuar na área de Linguística Computacional, investigando a construção automática de representações semânticas formais para linguagem natural. Atualmente, faz doutorado em Linguística na Stanford University, onde estuda sintaxe do Português Brasileiro, no paradigma minimalista, e continua a pesquisa em automatização de formalizações semânticas. E-mail: n.giordani@gmail.com

Sonia ZYNGIER é Mestre em Literatura Inglesa pela University of Liverpool (1973) e Ph.D. em Linguística Aplicada pela University of Birmingham (1994). Atuou junto ao Programa de Linguística Aplicada da UFRJ e participou das comissões de diferentes associações acadêmicas, entre elas o IGEL e o PALA. Criou a área de Conscientização Literária, sempre trabalhando na interface entre língua e literatura e, em colaboração com pesquisadores de universidades estrangeiras, fundou o Núcleo de Pesquisas REDES. Dentre suas inúmeras publicações contribuiu para a Elsevier Encyclopedia of Language and Linguistics (2005). Co-editou mais de dez volumes sobre ciência empírica em Letras, além de Directions in Empirical Literary Studies (2008) e Literary Education and Digital Learning: Methods and Technologies for Humanities Studies (2010), publicando, entre outros, Muses and Measures: Empirical Research Methods for the Humanities (2007). Dentre suas mais recentes publicações encontram-se Perspectives on Corpus Linguistics (John Benjamins, 2011), "Interpretation and Experience: Two Pedagogical Interventions Observed" (2011) e “Experiencing or interpreting literature: Wording instructions” (no prelo). Atualmente coordena a área de inglês do Pré-Vestibular Social do CECIERJ e é co-editora da série Linguistic Approaches to Literature (John Benjamins Publishing Company). E-mail: sonia.zyngier@gmail.com

Vander VIANA é Mestre em Letras (Estudos da Linguagem) pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e graduado em Letras (Inglês-Literaturas) pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Atualmente cursa o doutorado em Língua Inglesa pela Queen’s University Belfast (Reino Unido), onde também trabalha como Assistente de Ensino. Faz parte, desde 2005, da Diretoria da Associação de Professores de Língua Inglesa do Estado do Rio de Janeiro, e tem ampla experiência no ensino de inglês. Atua principalmente nas áreas de Linguística de Corpus, Língua Inglesa, Linguística Aplicada e Ensino/Aprendizagem, tendo contribuído com artigos e capítulos para periódicos e coletâneas nacionais e internacionais. Participou, como editor, de diversos projetos de livros, e integra a Comissão Editorial de sete periódicos internacionais. Sua publicação mais recente é a edição de Perspectives on Corpus Linguistics (John Benjamins, 2011) juntamente com Sonia Zyngier e Geoff Barnbrook. E-mail: vander.viana@gmail.com